segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Gavião-pernilongo






Fonte:http://www.wikiaves.com.br


O gavião-pernilongo é uma ave accipitriforme da família Accipitridae. Nome Científico Seu nome científico significa: do (grego) geranos = grua; e spizias = falcão, gavião; e do (latim) caerulea = azulado. - Gavião cinza-azulado.

  Características

Mede entre 43 e 50 centímetros de comprimento com envergadura entre 75 e 111 centímetros. Seu peso varia entre 235 e 353 gramas, sendo que o macho é menor que a fêmea e tem cerca de 77% do tamanho desta. Apresenta grande variação de coloração cinza da plumagem de acordo com a subespécie analisada, existindo exemplares com a coloração variando desde cinza escuro até cinza claro. Entretanto a coloração geral mais comum é cinza, sendo que o peito apresenta fino barrado. O ventre é mais claro que o peito e o crisso pode ser cinza claro, branco amarelado ou ainda castanho. A cauda é preta, com duas largas faixas brancas, sendo a faixa basal a mais larga entre as duas. As pernas longas apresentam intensa coloração vermelho alaranjado que são características da espécie. A cabeça e o bico são relativamente pequenos e esguios. Os olhos apresentam, em geral, coloração clara, entretanto a subespécie caerulescens apresenta os olhos escuros. É uma rapineira de aspecto esguio, lembra os Polyboroides e Melierax da África, aos quais se assemelha na morfologia, cores e comportamento alimentar, por convergência adaptativa.

 ESPÉCIE SEM DIMORFISMO SEXUAL

  Alimentação

Vasculha cavidades em ocos de árvores e palmeiras ou entre folhas de bromélias, graças à grande mobilidade da articulação intertarsal e de seus dedos curtos e tarso longo. Captura morcegos em seus dormitórios diurnos, além de lagartos, lagartixas, calangos, iguanas, cobras, sapos, pererecas, cuícas e outros mamíferos que ficam em ocos de árvores. Captura também outras aves, sendo afugentado sempre que aparece no território de Bem-te-vis, também entram em sua dieta: cigarras, besouros, anfíbios e répteis em bromélias. Segue os incêndios, solitário ou aos pares, capturando presas assustadas no solo. Segue bandos de macacos-prego, gênero Cebus, que tem o hábito de desfolhar bromélias para comerem a base tenra esbranquiçada das folhas, desalojando assim cobras arborícolas e anfíbios, que se tornam presas fáceis. gavião-pernilongo se alimentandoIndicar foto favorita... gavião-pernilongo se alimentando

Reprodução

Em árvores altas, constrói ninho denso de gravetos e ramos finos, no formato de taça, localizado em galhos terminais, às vezes oculto entre epífitas. Põe cerca de dois ovos, com um período de incubação de 35 dias, em média. Casal de gavião-pernilongoIndicar foto favorita... Casal de gavião-pernilongoNinho de gavião-pernilongoIndicar foto favorita... Ninho de gavião-pernilongoFilhote de gavião-pernilongoIndicar foto favorita... Filhote de gavião-pernilongo

  Hábitos

Pode ocorrer em qualquer tipo de habitat, como florestas úmidas e estacionais, cerrado denso e cerradão, caatingas, fragmentos de mata em regeneração, às vezes em talhões de eucalipto mesclados com vegetação nativa ou áreas úmidas como brejos, buritizais e mangues. Tem o hábito de coçar a garganta e a face com as garras e arrumar a cauda com o bico. Bando de gavião-pernilongoIndicar foto favorita... Bando de gavião-pernilongo Distribuição Geográfica Ocorre desde o México até a Argentina e Uruguai, incluindo todo o Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário